Menu
Disponível no Google Play

3ª Parada do Orgulho LGBT Alternativa de Santa Maria

13 NOV 2017
13 de Novembro de 2017

Santa Maria, RS, 9 novembro de 2017 – Com o tema “Ativismo e Resistência Popular”,
o Coletivo Voe de diversidade sexual promove a 3ª Parada do Orgulho LGBT Alternativa
de Santa Maria.

O evento acontece no domingo, 19 de novembro, a partir das 16h no Largo da
Locomotiva, na Avenida Presidente Vargas. A concentração da Parada, seguida de uma
macha, será às 15h, na Praça Saldanha Marinho.

A Parada contará com apresentações de drag queens, dança, música, homenagens e
uma mostra fotográfica. A Casa 13 de Maio estará presente realizando trabalho de
prevenção às Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST). O espaço também contará
com uma praça de alimentação. A condução da Parada será feita pela ativista trans
Cilene Rossi e pelos bailarinos Sariana Lima e Manoel Luthiery.

Neste ano, ressaltamos a necessidade de se exercer o ativismo e a resistência popular.
Frente ao crescimento de uma moral conservadora, vemos a propagação de um discurso
que pretende silenciar e criminalizar a liberdade de expressão e a manifestação das
sexualidades, identidades e gêneros considerados minoritários. Isso tudo num país
extremamente violento com as populações periféricas, pobres, negras e LGBT+.

Acreditamos que a importância do ativismo e da resistência popular está na
possibilidade destas populações ganharem voz para que possam enfrentar a agenda
conservadora e anti-direitos humanos que nos tem sido imposta. Também acreditamos
que o ativismo e a luta por direitos se faz com diálogo, debate e conscientização. Nada
disso acontece sem que se tenha um posicionamento, por isso é preciso reafirmar a
importância da militância e da resistência no cotidiano.

Dessa forma, convidamos todos para que participem da 3ª Parada do Orgulho LGBT
Alternativa de Santa Maria. A organização é do Coletivo Voe, com apoio da Pró-Reitoria
de Extensão da UFSM, Núcleo de Estudos em Espaço e Representações, Casa 13 de Maio
Alojamento Verônica, Sapataria e Vivi Costa Tattoo.

Mostra fotográfica

O tema da Parada deste ano celebra o legado de Nei D’Ogum, ativista santa-mariense
falecido em agosto de 2017. As imagens contam a história de Nei e do seu parceiro
Ricardo na construção de uma sociedade mais justa. Nei fez do ativismo e da resistência
popular a sua vida. Lutou pela cultura popular e periférica, pela liberdade religiosa, pelo
fortalecimento da população negra e pela dignidade e livre expressão LGBT+.

Serviço – 3ª Parada LGBT Alternativa de Santa Maria
Concentração: 15h, Praça Saldanha Marinho
Percurso: Rua do Acampamento, Rua Pinheiro Machado, Avenida Presidente Vargas
Destino final: 16h, Largo da Locomotiva (Biblioteca Pública Municipal).


Por Edson Kah via Cristiano Magrini Rodrigues
Foto: Roberta Bezerra
Voltar
Tenha você também a sua rádio